Lei n.º 62/2007, art. 75.º n.º 4 b) - Constituem infracção disciplinar dos estudantes: A prática de actos de violência ou coacção física ou psicológica sobre outros estudantes, designadamente no quadro das «praxes académicas».

17
Mar 17

Mais claro e determinado não se pode ser.

A pergunta que fica: porque é que ainda alguém tem dúvidas quanto ao propósito de educar, ensinar outros valores?

Chega de mediocridade!

Força Sr. Ministro! Não se deixe vencer pelos que a praticam nem pelos seus cúmplices, por omissão. Tantos e tantos dirigentes de instituições de ensino. Assim, claramente dito.

---------------------------------------------------

Exarp. Assim se dá a volta à palavra praxe

http://expresso.sapo.pt/sociedade/2017-03-17-Dar-a-volta-a-praxe-um-site-para-integrar--e-nao-humilhar--os-caloiros

“Tudo farei para dar a volta à praxe, valorizando as iniciativas que já hoje procuram promover a liberdade e emancipação dos jovens, assim como estimulando a criação de novas atividades que permitam a integração harmoniosa de estudantes no ensino superior, assim como a relação entre os estudantes e as suas instituições com a sociedade civil”, escreve Manuel Heitor numa carta para “todos os dirigentes académicos e estudantis”, que anuncia também o lançamento do Exarp.

“As manifestações de abuso, humilhação e subserviência a que infelizmente ainda assistimos entre grupos de estudantes, sejam no espaço público ou dentro das instituições, afetam a credibilidade do ensino superior e conflituam com a missão e o propósito daqueles que o frequentam. A valorização das tradições académicas, mesmo quando existentes, não pode legitimar que se humilhe e desvalorize a autoestima dos mais novos”, acrescenta Manuel Heitor, que acredita que “será possível mudar consciências e desfazer mitos, consumando o objetivo de dar a volta à praxe”.

-----------------------------------------------------

Ministério recusa aplicar propostas para reprimir as praxes

http://www.dn.pt/portugal/interior/ministerio-recusa-aplicar-propostas-para-reprimir-as-praxes-5737652.html

Ministro assume que não concorda com propostas mais "punitivas". Programa "exarp", do governo, quer "dar a volta à praxe"

publicado por contracorrente às 16:35

mais sobre mim
Visitantes

- Objectores -

FREEMUSE - Freedom for Musicians
“Quando fizermos uma reflexão sobre o nosso séc. XX, não nos parecerão muito graves os feitos dos malvados, mas sim o escandaloso silêncio das pessoas boas." Martin Luther King "O mal não deve ser imputado apenas àqueles que o praticam, mas também àqueles que poderiam tê-lo evitado e não o fizeram." Tucídedes, historiador grego (460 a.c. - 396 a.c.)
Na Pista de Outros
Free Global Counter
Google Analytics