Lei n.º 62/2007, art. 75.º n.º 4 b) - Constituem infracção disciplinar dos estudantes: A prática de actos de violência ou coacção física ou psicológica sobre outros estudantes, designadamente no quadro das «praxes académicas».

24
Out 20

E os de saber supremo também.
Atente-se:

Conselho de Veteranos [presidido por A. Matias Correia] diz “não reconhecer ao Governo o conhecimento necessário para agir sob qualquer âmbito da praxe coimbrã.”

O Conselho de Veteranos (CV) sustenta que “não se submete à intimidação ou vontade do Governo por não o entender aplicável em Coimbra ou ser sequer legítimo”.

https://www.asbeiras.pt/2020/10/coimbra-veteranos-suspendem-praxe-porque-sim-e-nao-por-imposicao/

publicado por contracorrente às 00:05

25
Set 20

De salvar a face, não só do ridículo mas da ilegalidade, ou seguirá contrariando as autoridades de saúde e borrifando-se para as orientações do Ministro que tutela o ensino superior?

----------------------------

O presidente Associação Académica de Coimbra (AAC), Daniel Azenha, afirmou hoje que é contra a realização da “praxe tradicional“, considerando que, em alternativa, podiam ser realizadas atividades para mostrar a cidade e a sua cultura.

https://www.asbeiras.pt/2020/09/covid-19-associacao-academica-contra-a-realizacao-de-praxe-tradicional-em-coimbra/

 

publicado por contracorrente às 23:53

08
Mar 17

Contidos nas palavras, deixamos apenas o registo público das afirmações.

Opinião: Praxe

http://www.asbeiras.pt/2017/03/opiniao-praxe/

E da biografia do deputado, também médico.

http://www.sanfil.pt/index.php?r=medico/view&id=164

https://www.parlamento.pt/DeputadoGP/Paginas/Biografia.aspx?BID=3995

E cada cada um que tire as suas conclusões, de que por caminhos vamos ou com quem estamos acompanhados. Nas mais altas instâncias!

 

 

publicado por contracorrente às 20:23

mais sobre mim
“Quando fizermos uma reflexão sobre o nosso séc. XX, não nos parecerão muito graves os feitos dos malvados, mas sim o escandaloso silêncio das pessoas boas." Martin Luther King "O mal não deve ser imputado apenas àqueles que o praticam, mas também àqueles que poderiam tê-lo evitado e não o fizeram." Tucídedes, historiador grego (460 a.c. - 396 a.c.)
Google Analytics